Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

Prefeitura de Magé implantará lei de ATHIS

Prefeitura de Magé implantará lei de ATHIS

A expectativa é que a iniciativa seja implantada até o começo de 2022 (Foto: Lucas Santos/Prefeitura de Magé)

Texto: Vinícius Veloso

26/10/2021 | 15:27 — Por meio da Secretaria Municipal de Habitação e Urbanismo, a Prefeitura de Magé, no Rio de Janeiro, implementará a lei de Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social (ATHIS). De acordo com o secretário Marcus Vinicius Pencai, responsável pela pasta, uma equipe será organizada para analisar as moradias que poderão ser beneficiadas. “É muito importante que as pessoas tenham acesso gratuito a engenheiros e arquitetos antes de construírem suas casas. É um cuidado que significa mais segurança para a população e é isso que queremos garantir em Magé”, diz. A expectativa é que a iniciativa seja implantada até o começo de 2022.

Leia mais...

Acessibilidade em terminais urbanos é tema de ação do Ministério Público do Rio de Janeiro

Terminal Alvorada Rio de Janeiro

O Terminal Alvorada é um dos que apresentam problemas (Foto: Divulgação/BRT Rio)

Texto: Vinícius Veloso

18/10/2021 | 17:00 — No último dia 6 de outubro, o Ministério Público do Rio de Janeiro ajuizou ação solicitando a regularização das condições de acessibilidade nos terminais rodoviários da capital carioca. A decisão foi baseada em investigações que constataram a existência de instalações inadequadas, além de áreas de difícil acesso para pessoas com mobilidade reduzida, em diferentes terminais do município. Entre os locais com problemas estão os terminais Procópio Ferreira, Madureira, Carlos Manes Bandeira, Alvorada, Cosme Velho, Arquiteto Paciello e Americo Ayres. Na ação civil pública, o MPRJ definiu o prazo de até 120 dias para que as operadoras responsáveis apresentem o diagnóstico de acessibilidade dos empreendimentos.

Leia mais...

Prefeitura de Duque de Caxias fecha com tijolos marquise do Teatro Raul Cortez

O espaço bloqueado fica abaixo da rampa de acesso ao centro cultural (Foto: Divulgação/Teatro Raul Cortez)

Texto: Vinícius Veloso

06/10/2021 | 17:27 — A Prefeitura de Duque de Caxias, município localizado na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, bloqueou com tijolos a marquise do Teatro Raul Cortez. O espaço, que fica abaixo da rampa de acesso ao centro cultural, era utilizado como abrigo por pessoas em situação de rua na Praça do Pacificador. De acordo com o jornal Extra, o poder público informou, por meio de nota, que a intervenção foi autorizada pela família de Oscar Niemeyer, arquiteto responsável pela obra. Entretanto, Paulo Sérgio Niemeyer, presidente do Instituto Niemeyer e coautor do projeto, assinou um pronunciamento que nega a permissão e critica a construção da barreira.

Leia mais...

MPF recomenda que o Palácio Capanema não seja vendido

Venda Palácio Capanema

MPF estipulou prazo de 60 dias para uma resposta detalhando as providências que serão adotadas (Foto: Oscar Liberal/Iphan)

Texto: Vinícius Veloso

01/10/2021 | 15:29 — No último dia 22 de setembro, o Ministério Público Federal (MPF) recomendou ao Ministério da Economia a abstenção de venda do Palácio Gustavo Capanema. Segundo a Procuradoria, a transação seria considerada ilegal, fosse ela realizada por meio de leilão ou por proposta de compra. Isso porque a edificação localizada na região central da cidade do Rio de Janeiro é um bem protegido e tombado pelo patrimônio histórico-cultural nacional. O documento solicita, ainda, que a Secretaria de Desestatização, Desinvestimento e Mercados e a Secretaria de Patrimônio da União elaborem uma resposta no prazo máximo de 60 dias, com informações sobre as providências que devem ser adotadas para que a recomendação seja cumprida.

Leia mais...

Rio de Janeiro pretende ampliar malha cicloviária em 35%

Rio de Janeiro ciclovias

A intenção do poder público é entregar 160 km de ciclofaixas e ciclovias até 2029 (Foto: MarioNascimento/Shutterstock)

Texto: Vinícius Veloso

27/09/2021 | 14:51 — Uma ciclovia de 3 km, que ligará a Estrada dos Bandeirantes à orla do Recreio — ambas na região oeste do município do Rio de Janeiro —, será o primeiro projeto de um grande plano de expansão dos espaços exclusivos para bicicletas na cidade. A intenção do poder público é entregar 160 km de ciclofaixas e ciclovias até 2029 (atualmente já existem 450 km). O aumento de 35% está previsto no Plano de Desenvolvimento Sustentável e Ação Climática (PDS), lançado no último mês de junho e que visa nortear as políticas da Prefeitura de maneira que estejam alinhadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030.

Leia mais...

Prefeito do Rio de Janeiro veta PL que proibiria a instalação de obstáculos em locais públicos

Arquitetura hostil no Rio de Janeiro

Prefeito destacou que a definição dos padrões construtivos e urbanístico é de responsabilidade do poder municipal (Foto: Reprodução/Google Street View)

Texto: Vinícius Veloso

20/09/2021 | 17:30 — O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, vetou o Projeto de Lei 41/2021, que proibiria a colocação de pedregulhos, pedras, vidros ou outros objetos que criam obstáculos e impedem a livre circulação e a permanência das pessoas nos espaços públicos. Em decisão publicada no Diário Oficial do último dia 16 de setembro, ele afirmou que: “a proposta usurpa matéria de competência estrita do Chefe do Poder Executivo a quem compete a propositura do Plano Diretor e os respectivos Planos complementares”. O texto que justifica o veto destaca, ainda, que a definição dos padrões construtivos e urbanístico é responsabilidade do poder municipal.

Leia mais...

Rio de Janeiro reforça parceria com italianos por projetos de urbanização sustentável

Rio de Janeiro e Itália urbanização sustentável

A conferência recebeu a presença de autoridades, empresários e pesquisadores de ambos os países (Foto: ranimiro/Shutterstock)

Texto: Vinícius Veloso

16/09/2021 | 13:40 — Na última semana, a Prefeitura e o Governo do Rio de Janeiro estreitaram relações com representantes dos setores público e privado da Itália com o objetivo de fortalecer o apoio científico e técnico no desenvolvimento de projetos de urbanização sustentável. As reuniões aconteceram durante o 2º Encontro Research to Business (R2B) Itália-Rio, evento organizado pela Embaixada da Itália no Brasil e pelo Consulado-Geral da Itália no Rio de Janeiro em parceria com a FGV Europe. A conferência foi realizada de maneira online por conta da pandemia e recebeu a presença de autoridades, empresários e pesquisadores de ambos os países.

Leia mais...

Rio de Janeiro recebe exposição sobre arquitetura contemporânea

Exposição Rio de Janeiro

Evento acontece na Praça Mauá, localizada no centro da capital fluminense (Foto: vitormarigo/Shutterstock)

Texto: Vinícius Veloso

15/09/2021 | 13:33 — As novas maneiras de entender e pensar os desafios da arquitetura contemporânea são abordadas em uma exposição a céu aberto no centro do Rio de Janeiro. Em cartaz até o próximo dia 17 de outubro, na Praça Mauá, a mostra “Futuro Agora – Revisitando a Arquitetura em Terra” é uma iniciativa da Suíça e faz parte das atividades do 27º Congresso Mundial de Arquitetos (UIA2021RIO). Com entrada gratuita, o evento acontece em um pavilhão de madeira de reflorestamento formado por 24 painéis tipográficos e fotográficos, que trazem informações sobre técnicas construtivas com argila e arquitetura moderna. No espaço há, ainda, QR Codes com vídeos e textos informativos sobre o conteúdo.

Leia mais...

Câmara do Rio de Janeiro aprova PL que proíbe a instalação de obstáculos em locais públicos

Aprovada pela Câmara, proposta agora segue para análise do prefeito Eduardo Paes (Foto: Divulgação/Câmara Municipal do Rio de Janeiro)

Texto: Vinícius Veloso

26/08/2021 | 13:55 — Em sessão extraordinária realizada no último dia 18 de agosto, a Câmara Municipal do Rio de Janeiro aprovou o Projeto de Lei 41/2021. De acordo com o texto, fica proibida a colocação de pedregulhos, pedras, vidros ou outros objetos que criem obstáculos e impeçam a livre circulação e a permanência das pessoas nos espaços públicos (com destaque para calçadas, praças e áreas sob pontes, passarelas e viadutos). De acordo com o vereador Chico Alencar (PSOL), um dos autores da proposta, a iniciativa tem o objetivo de humanizar o município.

Leia mais...

Ministério da Economia afirma não ter edital aberto para venda do Palácio Capanema

Venda Palácio Capanema

Polêmica sobre a venda do prédio começou após declaração do ministro da Economia (Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil)

Texto: Vinícius Veloso

24/08/2021 | 16:50 — A polêmica envolvendo a possível venda do Palácio Capanema, no Rio de Janeiro, ganhou um novo capítulo no início desta semana. O Ministério da Economia afirmou que, atualmente, não há edital aberto para alienação da edificação e nem de nenhum outro prédio tombado no país. A pasta lembrou, ainda, que em 2020 passou a vigorar a Lei 14.011, que prevê que os imóveis públicos federais podem receber propostas de compra vindas de qualquer cidadão. Ao escutar a oferta, cabe ao governo avaliá-la para aceitar ou não a negociação. Caso positivo, o poder público pode impor obrigações sobre os bens tombados ou com interesse cultural e histórico.

Leia mais...

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo