Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

CAU/BR negará registro a arquitetos com formação por EAD

Existem nove cursos EAD com turmas ativas atualmente no Brasil (foto: Natee Meepian/shutterstock)

Texto: Lucas Barbosa

03/04/2019 | 17:30 – Após a 88ª Reunião Plenária, o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) não aceitará solicitações de registro profissional de bacharelados em Arquitetura e Urbanismo em cursos de Ensino a Distância (EAD). Dessa forma, os 27 CAU/UF que atuam no País não poderão registrar esses egressos, impedindo-os de atuar na profissão. Atualmente, nove cursos EAD estão com turmas ativas no Brasil.

A decisão dos conselheiros se baseou no fato de a disciplina de Arquitetura e Urbanismo possuir relação com a preservação da vida e bem-estar das pessoas, da segurança e integridade do seu patrimônio e da preservação do meio ambiente, afetando a saúde do indivíduo e da coletividade.

Outro fator para a decisão está atrelado ao Código de Ética e Disciplina do CAU/BR, que determina que os profissionais de arquitetura e urbanismo necessitam de conhecimento em artes, ciências e técnicas, além das teorias e práticas específicas presenciais do setor, sendo impossível passar essa experiência através de uma relação professor/aluno a distância.

A conselheira Andrea Vilella, representante das Instituições de Ensino Superior e coordenadora da Comissão de Ensino e Formação do CAU/BR, apontou que a formação a distância na Arquietura e Urbanismo apresenta risco graves tanto quanto na área da Saúde, setor que também critica a modalidade de educação.

Loading
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo