Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

Invisibilidade mecânica à disposição da arquitetura e engenharia

Ao contrário do que parece, a invisibilidade mecânica não se trata do sentido visual, mas sim do táctil. O metamaterial, tecnologia criada por Tiemo Buckmann e seus colegas do Instituto Karlsruhe de Tecnologia, na Alemanha, é capaz de camuflar objetos baseando-se na inversão matemática das equações físicas básicas.


Os avanços do ‘manto da invisibilidade’ tornou possível que um objeto se tornasse camuflado por completo quando colocado abaixo dele. Na prática, será possível a criação de colchões muito finos e confortáveis para camping, tapetes que escondem fios ou irregularidades no piso, entre outras coisas.


Como funciona a camuflagem antissensibilidade.


A mesma equipe foi além, criando formas matemáticas que permitem o uso para qualquer material em terceira dimensão. Com o intuito de criar novas possibilidades para a construção civil e a arquitetura, a equipe de Tiemo simplificou equações para criar uma nova estrutura à base de uma ‘colmeia’.


O furo fica "invisível" na estrutura


Bückmann conseguiu um jeito do ‘favo’ resistir a um furo em seu centro, ou seja, o furo fica "invisível", sem que perca sua sustentação na estrutura.

A equipe do Instituto Karlsruhe de Tecnologia afirma que desenvolveu novas perspectivas para a arquitetura e engenharia, permitindo que se criem estruturas estáveis com grandes vãos, de acordo com o desejo do projetista. Para não perder equilíbrio na estrutura, basta que os responsáveis usem as novas equações para calcular a dispersão das forças.

É importante ressaltar também, que os avanços tecnológicos já descobriram formas de tornar objetos invisíveis aos olhos, como o exemplo do projeto de construção do Tower Infinity, localizado na Coreia do Sul, que criará a ilusão de ótica de “desaparecimento” durante a noite, graças ao uso de lâmpadas de LED e câmeras.

 

Crédito/fonte da foto: Kyoungsik Kim e Tiemo Buckmann/KIT
Fonte do post:
Inovação Tecnológica, Ciênicas e Tecnologia e Nature Communications

Loading
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo