Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

Populous projeta estádio com instalações dedicadas ao e-sports


O futuro dos jogos? Estádios enormes, como os de futebol, com interiores cavernosos e fãs gritando. Essa é a visão para o ano de 2020 dos arquitetos do escritório Populous, quando a extensa global e multibilionária indústria de jogos finalmente encontrará sua forma pública.

 


Exibições ao vivo de gamers já são um fenômeno cultural em lugares como a Coreia do Sul. Até mesmo locais como o Staples Center, em Los Angeles, casa dos LA Lakers, já sediaram exposições jogos. De acordo com os arquitetos, designers do estádio olímpico de Londres de 2012, é apenas uma questão de tempo até que instalações dedicadas ao e-sports comecem a aparecer.


O mega projeto incluirá salas individuais montadas em braços robóticos fortes o suficiente para mover sessões de jogos inteiras para o centro da arena para eventos da equipe ou cabeças-com-cabeças.

Haverá também uma superfície de pixels que permitirá vivenciar os jogos e assistir filmagens de torneios que estiverem acontecendo fora do local em tempo real. Além disso, luzes de LED embutidas nos pisos, paredes e outras superfícies estruturais, assim como no estádio olímpico em Londres, poderão oferecer informações para os fãs e pontuar estatísticas e histórias dos jogos e jogadores. E, por fim, uma gigante tela de computador 3D imersiva será adaptada em torno de milhares de pessoas, exibindo em uma escala Superdome.


Fonte do post: Gizmodo
Crédito/fonte da foto: Populous

Loading
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo