Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

RS lança concurso de arquitetura para renovar espaço público de 5 cidades

A iniciativa tem o objetivo de fomentar a economia criativa através de espaços públicos (Foto: borgesncs/Shutterstock)

Texto: Naíza Ximenes

03/05/2022 | 15:39 — O Governo do Rio Grande do Sul lançou, em 25 de abril, um concurso de arquitetura para transformar espaços públicos de cinco cidades do estado. As inscrições para as reformas em Pelotas, Rio Grande, Santa Maria, Cachoeirinha e São Leopoldo ficarão disponíveis até o dia 11 de maio. 

A abertura da seleção é, na verdade, a segunda fase do projeto. O programa Iconicidades surgiu em setembro de 2021, quando foram eleitos, em parceria com as prefeituras e o departamento gaúcho do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB/RS), os parâmetros para o programa.

Foram selecionadas orientações acerca da iniciativa — que vista estimular o empreendedorismo local, a inovação, a permanência dos gaúchos no estado e a revitalização de áreas importantes dessas cidades —; dos critérios de seleção dos projetos — como engajamento, interesse do gestor local, existência de iniciativa prévia adaptada ao projeto, sustentabilidade, desenvolvimento socioeconômico e complexidade —; e das cidades contempladas.

Com o objetivo de fomentar a economia criativa através de espaços públicos, os três primeiros colocados no concurso ganharão os prêmios de R$ 20 mil, para o primeiro colocado; R$ 15 mil, para o segundo colocado; e R$ 10 mil para o terceiro colocado. O autor da proposta vencedora também será contratado para realizar os projetos executivos e complementares à iniciativa, em valores que variam de R$ 580 mil a R$ 749 mil.

Ao todo, o governo do RS selecionará cinco projetos arquitetônicos, um para cada cidade. Eles serão custeados pelo próprio Estado, que tem o intuito de aliar cultura, tradição e empreendedorismo no novo uso dos imóveis, segundo o governador Ranolfo Júnior.

O edital e as regras dos cinco concursos estão disponíveis no site oficial do RS. A escolha das inscrições vencedoras será realizada por comissões julgadoras, formadas por arquitetos. Em Santa Maria e em São Leopoldo, que irão sediar as reformas em bens tombados pelo Estado, haverá ainda a participação de especialistas indicados pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado do Rio Grande do Sul (Iphae).

As reformas para cada cidade são:

1. Pelotas:

Local reformado: antiga sede do Banco do Basil, um prédio tomado pelo Iphan.
Proposta: Ocupação do local em desuso para criar um Centro de Gastronomia.
Publicação do edital: 25 de abril.

2. Rio Grande:

Local reformado: Zona de proteção ambiental da cidade.
Proposta: Qualificar e preservar a paisagem da zona de proteção ambiental, através da criação do Ecoparque Turístico Molhes da Barra. O intuito é capacitar o local para abrigar uma infraestrutura voltada ao turismo.
Publicação do edital: 27 de abril.

3. Santa maria:

Local reformado: Antigo Clube dos Ferroviários.
Proposta:  Requalificar o antigo clube para criar um Centro de Inovação e Economia Criativa. Para isso, o arquiteto deverá elaborar uma proposição que recomponha a volumetria da edificação, ao mesmo tempo que restaure elementos e proponha novas edificações anexas. O clube também foi tombado pelo Iphae.
Publicação do edital: 29 de abril.

4. Cachoeirinha

Local reformado: Casa de Cultura Demósthenes Gonzalez.
Proposta:  Requalificar o Complexo Casa de Cultura através da reforma dos espaços de edificação histórica. O arquiteto deverá, também, propor novas edificações, além de reformas nas avenidas Beira-rio e general Flores da Cunha — dois trechos abrangidos pelo Complexo.
Publicação do edital: 9 de maio.

5. São Leopoldo 

Local reformado: Complexo Casa da Feitoria/Museu do Imigrante
Proposta: Conceber um complexo cultural que englobe dois requisitos: a reconstrução do setor que ruiu e o restauro do espaço da Casa/Museu. São edificações também tombadas pelo Iphae. O idealizador deverá oferecer, ainda, o projeto de uma edificação anexa, o tratamento paisagístico da área adjacente e elaboração de diretrizes para um futuro parque, que fará parte do conjunto.
Publicação do edital: 11 de maio.

Loading

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo