9 passarelas incríveis para se inspirar

Fotos de passarelas para projetos de arquitetura. Funcionais e esteticamente atraentes, elas se destacam em muitos projetos
0 Compartilhamentos
0
0
0

Redação Galeria da Arquitetura

As passarelas são responsáveis por interligar um ponto ao outro, facilitar a locomoção e auxiliar a acessibilidade. Produzidas em concreto, metal, alvenaria ou aço expandido, devem atender a NBR 9.050/2004, da ABNT, e são obrigatórias em áreas comuns de condomínios ou vias de circulação de pedestres.

Para garantir o
trajeto seguro, devem acompanhar guarda-corpos. Os mais comuns são os metálicos
– que se integram ao projeto com mais facilidade – e os de vidro, que
proporcionam sensação de leveza.

Passarela Marcelo Fromer

Crédito: Ana Mello

Implantada no recuo do edifício
técnico anexo à sede da construtora Camargo Corrêa, a Passarela Marcelo Fromer
fica entre a avenida Juscelino Kubitschek e a rua Pequetita. Devido ao fluxo intenso
de veículos, foi projetada com iluminação direta, sem ofuscar os veículos que transitam
por ela. O projeto é do escritório
BACCO
Arquitetos
.

Museu Rodin Bahia

Crédito: Nelson Kon

Para interligar o clássico prédio do Museu Rodin Bahia com o
novo bloco anexo modernista, foi criada uma passarela de concreto protendido a
20 metros do chão. Por Brasil
Arquitetura

Estação Cidade Nova e Passarela de Pedestres

Crédito: Nelson Kon

Com projeto do escritório JBMC, essa passarela para pedestres faz parte
da construção da estação de metrô Cidade Nova, localizada no Rio de Janeiro.
Com 140 metros de extensão, permite o acesso às baias de ônibus da avenida –
por meio de escadas e elevadores –, sendo também responsável por interligar a
região central à zona norte da capital. Constituída por estrutura metálica com
três conjuntos de arcos em seção tubular, a passarela redefiniu a paisagem
local.

Centro Paula Souza

Crédito: Nelson Kon

Mais do que interligar os dois volumes do empreendimento, a passarela metálica
instalada sobre o jardim tem como objetivo proteger o vidro da incidência
direta de luz. O edifício conta com outras quatro passarelas laterais de concreto
aparente. Projeto assinado pelos escritórios
Arquiteto
Pedro Taddei
e Spadoni
AA
.

Sesc Sorocaba

Crédito: Flavio Hamada
Teperman

O terreno desnivelado do Sesc Sorocaba determinou que os dois prédios
fossem construídos em patamares diferentes. A conexão é feita por uma passarela
tipo estaiada, que possui dois níveis. Com estrutura metálica e cabos de
sustentação de aço, possui guarda-corpos de vidro que priorizam a visibilidade do
entorno. Por
Sergio
Teperman Arquitetos
.

MAC

Crédito: Marcos O. Costa

A passarela envidraçada fez parte do retrofit do Conjunto
Ibirapuera, que contempla o Museu de Arte Contemporânea da USP (MAC-USP) e mais
dois partidos anexos. O projeto tem autoria de
Borelli
& Merigo Arquitetura
.

Parque da Gare

Crédito: Marcelo Donadussi

A ponte de madeira com guarda-corpo metálico apresenta ao visitante o
complexo urbano no Parque Gare – projeto do escritório
IDOM. A sua instalação foi possível graças ao
processo de revitalização do lago, que passou por uma limpeza e caracterização
(estudo de qualidade) para o recebimento das águas naturais do parque.

Tour Nestlé Chocolover

Crédito: Leonardo Finotti

Parte do Tour Nestlé Chocolover,
a passarela permite que o visitante faça um percurso cenográfico até chegar à
fábrica. É desenvolvida em estrutura metálica e fechada com chapa de aço.
Possui piso perfurado, vidro refletivo e película vermelha – cor escolhida para
despertar o apetite. Por
METRO
Arquitetos Associados
.

Passarela sobre o Canal Guarapiranga –
Bayer

Crédito: Pedro Kok e Leonardo
Finotti

A estrutura metálica atravessa o canal do Guarapiranga e conecta os dois
trechos da ciclovia que margeia o rio, totalizando 2,8 km. O desenho das duas
bases estruturais no rio remete à flor aquática vitória-régia. A composição
final divide-se em quatro:
duas
passarelas fixas e duas móveis – localizadas no centro, entre as duas ilhas, e
movidas por motores elétricos de alta potência. Esse recurso permite a passagem
periódica de embarcações de dragagem e manutenção do canal. Projeto de
LoebCapote
Arquitetura e Urbanismo
.

0 Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *