Brasil abre inscrições para concurso na Exposição Universal de Osaka 2025

O concurso, que acontecerá entre abril e outubro de 2025, foi lançado pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil)
0 Compartilhamentos
0
0
0

O concurso foi descrito como uma oportunidade única de democratização ao acesso e transparência ao processo seletivo (Foto: Expo 2025 Osaka/Divulgação)

Texto: Naíza Ximenes

06/10/2022 | 15:59 — Depois do lançamento do edital da Exposição Universal de Osaka 2025, no dia 3 de outubro — que também marcou o Dia Mundial da Arquitetura neste ano — a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) lançou um concurso para a participação de projetos com o intuito de integrar o Pavilhão do Brasil na feira.

Representando os brasileiros na feira, os interessados em concorrer poderão realizar a inscrição até o dia 7 de novembro, no site oficial do concurso. O vencedor será anunciado no dia 5 de dezembro. 

O concorrente deve alistar seu projeto, de forma que ele contemple o tema central da exposição, válido para todos os participantes: “Designing Future Society for Our Lives” — em português, Projetando a Sociedade do Futuro para nossas vidas. A proposta deve, ainda, se adequar a um dos três subtemas: “Saving Lives” (Salvando Vidas), “Empowering Lives” (Empoderando Vidas) e “Connecting Lives” (Conectando Vidas). O Pavilhão Brasil estará localizado no distrito “Empowering Lives”.

A iniciativa, segundo a ApexBrasil, contribui para a promoção das exportações brasileiras, para a atração de investimentos externos e para a calibragem do posicionamento internacional do país.

O Diretor do Pavilhão do Brasil para a Expo 2025 Osaka e Gerente de Exposições Universais e Projetos Especiais na ApexBrasil, Raphael Nascimento, salientou a complexidade e a atenção aplicada no processo de participação em exposições internacionais, que inclui um extenso ciclo de preparação e envolve múltiplos atores da sociedade. “Já temos uma ‘tradição’ estabelecida junto ao Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) desde a Expo Milão para escolhermos o projeto do Pavilhão do Brasil por meio de concursos públicos de amplo alcance. Nossa arquitetura sempre teve destaque em nossos pavilhões e também faz parte do posicionamento internacional do país”, explica Nascimento.

Apesar da dificuldade, o concurso também foi descrito como uma oportunidade única de democratização ao acesso, transparência ao processo seletivo e por produzir resultados que honram a tradição brasileira de levar o melhor de sua arquitetura para representar o país no evento. 

“Já é tradicional a presença brasileira com a construção de excelentes exemplares de Pavilhões, com arquitetura inovadora, criativa e surpreendente, envolvendo e expondo temáticas e abordagens da cultura de nosso país que retratam nosso processo civilizatório, nossos avanços tecnológicos, sociais, econômicos e ambientais. Com a participação do IAB na organização dos concursos, foram projetados pavilhões extraordinários, com inovadoras concepções de elevada qualidade e, sobretudo, exposições que também superaram expectativas e se destacaram diante das apresentações dos demais países participantes. É transcendental a importância da participação dos arquitetos brasileiros neste desafio que ora lançamos. Mãos à obra!”, convoca o arquiteto e urbanista Moraes de Castro, coordenador do certame. 

Para inscrever-se ou saber mais sobre o concurso, clique aqui.

0 Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *