Casa da Arquitectura homenageia Paulo Mendes da Rocha com duas exposições

As duas exibições acontecerão em Matosinhos, no norte de Portugal, com estreia programada para o dia 26 de maio
0 Compartilhamentos
0
0
0

Foto

Paulo Mendes da Rocha formou-se em arquitetura e urbanismo em 1954 e foi homenageado em várias premiações internacionais ao longo de sua carreira (Foto: Reprodução)

Texto: Naíza Ximenes

22/02/2023 | 17:03 — A Casa da Arquitectura — uma associação portuguesa sem fins lucrativos, criada em 2007, na cidade de Matosinhos — anunciou que homenageará o arquiteto brasileiro Paulo Mendes da Rocha com duas exposições. A instituição, que atua como um Centro Português de caráter cultural, é voltada à divulgação e afirmação da arquitetura a nível nacional e internacional. 

Com inaugurações previstas para o dia 26 de maio, as mostras foram idealizadas por curadorias distintas. 

A “Geografias Construídas: Paulo Mendes da Rocha, uma retrospectiva” tem curadoria de Jean-Louis Cohen e Vanessa Grossman, com projeto expositivo de Eduardo Souto de Moura e Nuno Graça Moura. Ocupando o maior espaço expositivo da instituição, os criadores aproveitam o vasto acervo de obras do arquiteto, doado à Casa da Arquitectura em 2020.

A “Paulo”, por sua vez, foi planejada por Rui Furtado e Marta Moreira, com projeto expositivo de Ricardo Bak Gordon e montada na Galeria da Casa. Com uma proposta mais intimista, ela oferece ao visitante a oportunidade de ter uma experiência mais estreita com o arquiteto, permitindo-lhe ouvir a sua visão de mundo e as suas reflexões sobre temas que lhe interessaram e que ajudam a explicar sua obra.

Em nota, a Casa da Arquitectura afirmou que esta será uma grande realização para celebrar a pessoa e a obra universal de Paulo Mendes da Rocha, bem como os seus princípios éticos, estéticos e técnicos em todo o mundo. 

O arquiteto brasileiro, que faleceu em 2021, formou-se em arquitetura e urbanismo em 1954 e foi homenageado em várias premiações internacionais ao longo de sua carreira. Entre eles, o Prêmio Mies van der Rohe para a América Latina, em 2001, pelo projeto de reforma da Pinacoteca do Estado de São Paulo e o Prêmio Pritzker, o mais importante da arquitetura mundial, em 2006. 

0 Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.