28º Congresso Mundial UIA discutirá medidas para apoiar os 17 Objetivos Sustentáveis da ONU

O evento reunirá arquitetos e profissionais das comunidades de construção e planejamento para propor soluções sustentáveis que permitam a aplicação das metas até 2030
0 Compartilhamentos
0
0
0

Foto

O Congresso Mundial de Arquitetos da UIA representa um dos eventos mais importantes deste ano em Copenhague, a Capital Mundial da Arquitetura da UNESCO para 2023 (Foto: (Congresso Mundial de Arquitetos UIA/Reprodução)

Texto: Naíza Ximenes

23/03/2023 | 17:27 — A União Internacional de Arquitetos (UIA), que realiza o Congresso Mundial de Arquitetos UIA anualmente, anunciou que a 28ª edição do evento terá como tema central os 17 Objetivos Sustentáveis da ONU, estabelecidos na Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável e adotada por todos os Estados Membros das Nações Unidas em 2015.

Na edição de 2023, a UIA convida arquitetos e profissionais das comunidades de construção e planejamento a se reunirem em Copenhague, na Dinamarca, para debater soluções e propostas sustentáveis, que permitam um salto em direção ao cumprimento das metas até 2030.

Para isso, a entidade encarregou a Seção Científica do Congresso para desenvolver a pauta “Futuros Sustentáveis — Não Deixe Ninguém Para Trás”, que estabeleceu seis temas a serem abordados: adaptação climática, repensando os recursos, comunidades resilientes, saúde, inclusão e parcerias para a mudança.

Por mais de dois anos, o Comitê Científico Internacional vem analisando as várias maneiras pelas quais a arquitetura responde aos Objetivos Sustentáveis da ONU, apesar de eles mencionarem a arquitetura apenas no Objetivo 11: Cidades e Comunidades Sustentáveis, a arquitetura e o ambiente construído podem ter um impacto significativo no bem-estar humano e não humano em uma escala maior.

Segundo o Congresso, que terá início em 2 de julho de 2023, o intuito é explorar esse princípio de maneira mais holística. Para isso, cada tema escolhido pelo Comitê Científico foi estruturado como um painel temático, sendo que todos eles terão subpainéis identificados, que examinam as múltiplas maneiras como a arquitetura pode moldar nossas sociedades e seu potencial para ajudar na criação de um futuro sustentável, equitativo e inclusivo.

Os tópicos serão explorados de maneira criteriosa por meio de sessões dedicadas de intercâmbio e debate. Além disso, para ampliar seu alcance, a Trilha Científica também iniciou uma chamada de trabalhos, que convidou 295 autores para apresentá-los em Copenhague. Os trabalhos, que serão publicados em seis volumes, expandem o formato tradicional de artigo de pesquisa para mostrar narrativas, ensaios visuais e argumentativos.

O Comitê Científico Internacional da instituição foi instituído em 2020. Ele é presidido pela professora Mette Ramsgaard Thomsen e pelo professor associado Martin Tamke e composto por 12 presidentes de painéis e 4 consultores especiais. Os presidentes dos painéis são responsáveis por curar as sessões de apresentações de trabalhos para seus respectivos painéis e seus subtemas.

“Faltando apenas sete anos para alcançar os ODS, fica claro que a ação real deve ocorrer agora. A Faixa Científica do Congresso Mundial de Arquitetos da UIA 2023 CPH tem como objetivo promover novas pesquisas e intercâmbios de conhecimento necessários para as disciplinas de arquitetura e ambiente construído entenderem, construírem e cumprir seu papel ativo na consecução dos ODS”, comenta Mette Ramsgaard Thomsen, professora e relatora geral da Faixa Científica do Congresso Mundial de Arquitetos da UIA 2023. 

“Juntos, temos a responsabilidade coletiva de articular e demonstrar a capacidade da arquitetura de criar perguntas, abordagens e soluções impactantes em todos os 17 ODS e ajudar a garantir que ninguém seja deixado para trás”, conclui.

O Congresso Mundial de Arquitetos da UIA representa um dos eventos mais importantes deste ano em Copenhague, a Capital Mundial da Arquitetura da UNESCO para 2023. Os principais palestrantes do Congresso Mundial de Arquitetos da UIA 2023 são:

Bjarke Ingels (Arquiteto. Fundador, BIG)

Chimamanda Ngozi Adichie (Escritora premiada)

Chris Downey (Fundador, Architecture for the Blind)

Christian Benimana (Arquiteto. Co-fundador, African Design Centre. Director, MASS Design

Group)

Connie Hedegaard (Presidente do Conselho de Missão da Comissão da UE sobre Adaptação às Mudanças Climáticas)

Elizabeth Timme (Arquiteta. Co-fundadora, Office of Office)

Francis Kéré (Arquiteto. Fundador, Kéré Architecture)

Jim Hagemann Snabe (Presidente, Siemens. Membro do Conselho, Fórum Econômico Mundial)

Kunlé Adeyemi (Arquiteto, professor e estrategista de desenvolvimento. Fundador e diretor da NLÉ)

Maria Neira (Diretora do Departamento de Meio Ambiente, Mudanças Climáticas e Saúde da OMS)

Mette Skjold (CEO e sócia, SLA)

Partha Dasgupta (Professor emérito de Economia na Universidade de Cambridge)

Painéis do Comitê Científico:

Painel 1: Design para adaptação climática – Moderadores: Prof. e Diretora de Pesquisa Billie Faircloth e Prof. Maibritt Pedersen Zar

Painel 2: Design para repensar os recursos – Moderadores: Prof. Carlo Ratti e Prof. Mette Ramsgaard Thomsen

Painel 3: Design para comunidades resilientes – Moderadores: Prof. e reitor Juan Du e pesquisadora sênior Anna Rubbo

Painel 4: Design para saúde – Moderadores do Painel: Diretor Administrativo Christian Benimana e Prof. Visitante Arif Hasan

Painel 5: Design para a inclusão – Moderadores: Prof. Magda Mostafa e Prof. Ruth Baumeister

Painel 6: Design para parcerias de mudança – Moderadores: Professor visitante Sandi Hilal e pesquisador Merve Bedir

Conselheiros especiais:

Líder do Foresight Hub Chris Luebkeman

Prof. Katherine Richardson

Chefe de Pesquisa Thomas Bo Jensen

Diretora de Pesquisa Camilla Ryhl

Relatores Gerais e Responsáveis do Comitê Científico:

Prof. Mette Ramsgaard Thomsen

Prof. assistente Martin Tamke

Para conferir mais detalhes, clique aqui.

0 Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *