Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

A cidade da arquitetura

Rotterdam, a segunda maior metrópole da Holanda, tem rótulos consideráveis: possui o maior porto da Europa, o mais movimentado nas épocas de 1962 e 2004 (sendo ultrapassado somente pelo de Shangai, na China), e é conhecida por ser a cidade da arquitetura.


Abaixo estão alguns pontos turísticos que farão você entender o porquê desse título e se apaixonar pelo turismo da cidade.

 

Estação Central

É chegar e se apaixonar. A estação central foi revitalizada em 2004, pois previa-se que a mesma não atenderia a quantidade de passageiros que passaria por lá. Em 13 de março de 2014 foi reinaugurada com estilo. A atual Central Station atende rotas para praticamente toda a Holanda, além de rotas internacionais, como Antuérpia, Bruxelas, Paris e Lile.



Ponte Erasmus

Desde 1996 que esses 802 metros de extensão dividem a cidade de Rotterdam. Cenário do filme “Quem sou eu?”, de Jack Chan em 1998, a Ponte Erasmus é sustentada por cabos ligados a dois pilares principais e a uma ponte basculante, que se levanta para a passagem de grandes embarcações. Ela também foi palco para o evento "Red Bull Air Race".



Torre Euromast

Com 186 metros de altura e um observatório de 32 metros, a Euromast é a réplica da sala de controle de um navio. O elevador é capaz de te levar ao topo em 30 segundos. Em 1960 a torre foi construída para o evento internacional de exibição de flores e jardins, o Floriade. 



De Rotterdam

Desenhado em 1998 por Rem Koolhaas, esse prédio de 44 andares é um dos símbolos de Rotterdam e da Europa. Em seu interior possuem escritórios, apartamentos e um hotel. A média de pessoas que circulam por lá é de 5 mil.



Old Harbour

É o porto mais antigo de Rotterdam, construído no século 14. Nele estão vários navios históricos ancorados. Dois de seus destaques são a Casa Branca (próximo item) e as famosas Casas Cúbicas (mais a frente). Os navios que ficam no pequeno estaleiro são restaurados com estilo.





Casa Branca

O primeiro aranha-céu da Europa. Construído em 1898, tem 43 metros de altura, foi inspirado nos prédios de Manhattam (Nova Iorque) por um de seus idealizadores e foi por muitos anos o maior prédio empresarial da Europa.



Casas Cúbicas

Nos anos 70, o arquiteto Piet Blom decidiu construir casas sobre uma passarela de pedestres. Assim vieram as 38 Casas Cúbicas, que simbolizam árvores e, em conjunto, uma floresta. Em um dos megacubos existe um albergue, no qual você pode fazer uma reserva e passar a noite por lá.



Vila Zebra

Já pensou em um museu para crianças? Pois a Vila Zebra é um museu com exibições para crianças com idade de 3 a 12 anos. Lá tem workshops e excursões (a maioria em holandês) para os pequenos.



The Red Apple

O sexto maior prédio da cidade, o The Red Apple (A Maça Vermelha), foi construído em 2009 e possui 40 andares para morar. É majoritariamente residencial.



Museu de História Natural

Com mais de 25 mil objetos, variando desde plantas secas e fósseis, esse museu é um dos maiores de história natural da Holanda. Ele oferece uma variedade de exibições e atividades, programas educacionais, visitas guiadas e opções para festas de crianças.



Witte de Withstraat

A rua mais artística de Rotterdam. Nela está até o Café De Witte Aap, votado como o melhor bar do mundo pela revista "Lonely Planet". Além disso, é possível encontrar diversos restaurantes e o Centro de Arte Contemporânea.