Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

Conheça os 8 projetos mais premiados da arquitetura brasileira

De algumas décadas para cá, a arquitetura brasileira vem consolidando um estilo próprio, arrojado e muitas vezes, premiado. Dos escritórios tradicionais aos recentes, os projetos de arquitetura nacionais alcançam reconhecimento e prestígio mundial.

A seguir, estão alguns dos projetos que nos trouxeram mais prêmios e se tornaram verdadeiras obras de arte.

Praça das Artes

Projetado pelo escritório Brasil Arquitetura, o espaço cultural é uma união dos prédios que abrigam o teatro municipal de São Paulo, o centro de documentação artística, o museu do teatro municipal, a administração, as salas de recitais, as áreas de convivência e o estacionamento.  Desafiado por um solo difícil e uma região com histórico de abandono a edifícios culturais, o projeto levou 6 anos para ser concluído. Em 2014 foi reconhecido mundialmente pelo prêmio Icon Awards, da Icon Magazine, na categoria Edifício do Ano; e ficou entre os 76 finalistas do Designs of the Year 2014, premiação promovida pelo Museu de Design de Londres.  


Edifício Corujas

Localizado na região predominantemente residencial e cultural da Vila Madalena, o Edifício Corujas vai na contramão dos tradicionais complexos corporativos. O espaço fluido e livre dá a clara impressão de humanização, já que as áreas de convívio, jardins e o café ficam no centro dos escritórios integrados. Projetado pelo FGMF, somente em 2014 a obra foi premiada com: Primeiro lugar na categoria Commercial Building Concept do Re-Thinking the Future Awards; Primeiro lugar na categoria Arquitetura do Americas Property Awards; Primeiro lugar no Prêmio Dedalo Minosse 2014; Primeiro lugar na categoria Edifícios de Serviços no 8º Prêmio ASBEA; único prêmio de Arquitetura na categoria Edificações do IAB-RJ.


Confira aqui o Web Seminário da série “Arquitetura Essencial”, realizado pela Galeria da Arquitetura, que teve a participação de Fernando Forte do FGMF.

Casa Paraty

Finalizada em 2009, a Casa Paraty foi projetada pelo studio mk27. Regido pelo arquiteto Marcio Kogan, o projeto levou no mesmo ano o primeiro lugar do Leaf Awards, e melhor arquitetura do prêmio International Property Awards. No ano seguinte, foi campeão da categoria Best New Private da revista britânica Wallpaper e vencedor do prêmio de arquitetura promovido pelo IAB-SP.  


Edifício Harmonia 57

Projetado pelo escritório franco-brasileiro Triptyque Arquitetura, o Edifício Harmonia também está localizado na Vila Madalena. Em 2009, ano seguinte ao término do projeto, ganhou a menção honrosa do 9° Jovens Arquitetos promovido pela IAB-SP, na categoria obras concluídas. Em 2010, consagrou-se como o projeto sustentável que mais proporciona qualidade de vida, com o prêmio austríaco Zumtobel Group Awards.

 

Sala São Paulo

Um dos cartões postais da capital paulista, a Sala São Paulo teve uma longa história até ser finalizada. Em 1997, a Secretaria de Estado da Cultura convidou o arquiteto Nelson Dupré para realizar uma restauração no local. Iniciada em 1920, a obra foi abandonada e retomada diversas vezes, até tornar-se efetivamente um local de apresentação de orquestras e balés. Em 15 anos, os prêmios que o Dupré levou para casa com o retrofit da Sala São Paulo são inúmeros: USITT Architecture Award 2000, Honor Award em 2000; Menção “Hors Concours” pelo IAB/SP em 2000; Prêmio ECO 2000 na categoria cultura em 2000; Medalha Dr. Ulysses Guimarães, 2001; Prix d’Excellence 2001, categoria melhor projeto de Uso Público do Mundo em 2001; e Prêmio AsBEA, na categoria Arquitetura Institucional em 2002.


Livraria Cultura

Também projetada pelo escritório studio mk27, a Livraria Cultura está no Shopping JK Iguatemi. Caracterizada pelo espaço amplo, Marcio Kogan a define como “um ponto de encontro com livros ao fundo”. Em 2014, foi a vencedora do prêmio Comercial do INSIDE World Festival of Interiors, em Singapura. Em 2015, conquistou o primeiro lugar na categoria Design de Interiores do maior concurso de design do mundo, promovido pelo instituto IF, o iF Design Awards 2015


Biblioteca Brasiliana

A biblioteca que abriga a mais importante coleção particular de livros e manuscritos, possui 21 mil metros quadrados em um terreno de 25 mil dentro da Universidade de São Paulo (USP). Finalizado em 2013, é um projeto dos escritórios MINDLINLOEB+DOTTO Arquitetura com Eduardo de Almeida Arquitetos. No mesmo ano, ganhou o prêmio de melhor obra na categoria Arquitetura, pela Associação Paulista de Críticos da Arte (APCA).


Museu da Memória

Projetado para abrigar a história de 17 anos de ditatura sob o regime do general Augusto Pinoche e homenagear os que lutaram contra ela, o Museu da Memória fica em Santiago, no Chile. Foi carinhosamente apelidado de arca arqueológica e, por coincidência (ou não), parece flutuar em meio às construções chilenas ao redor. Projetada pelo Estúdio América em parceria com Mario Figueroa, a obra foi concebida em apenas um ano e inaugurada em 2010. No mesmo ano, recebeu a menção honrosa na XVII Bienal de Quito e foi finalista no concurso internacional World Architecture Festival, em Barcelona. Em 2011, o projeto foi laureado duas vezes: uma com o Grande Prêmio Ex Aequo, ocorrido na 9ª Bienal Internacional de São Paulo, e o outra com o Premio APCA na categoria Melhor Obra de Arquitetura do Ano no Exterior. Em 2014 foi a obra selecionada no Prêmio Latinoamericano de Arquitetura Rogelio Salmona, em Bogotá, no Chile. 


Crédito/fonte da foto: http://www.galeriadaarquitetura.com.br/, Dario de Freitas, Nelson Kon 
Fonte do post: Arquitete Suas Ideias, BBM, Bonde, Galeria da Arquitetura, residenciais.org, ASBEA, Concursos de Projeto, Sala São Paulo e Dupré Arquitetura 

Comentários (2) -

  • bia

    10/09/2015 23:56:13 | Reply

    otimo post Smile
    só um detalhe: a livraria cultura da foto é a do shopping Iguatemi. No JK fica a livraria   da vila

  • Jlmartins

    28/02/2016 14:13:39 | Reply

    Legal esses espaços citados, mas o Hotel Unique ao lado da Panamericana de artes não entrar é ao meu ver um grande desmerecimento a arquitetura moderna, visto que vi tudo aquilo ser executado .
    Um dos volumes modernista s bacana que conheço

Loading
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo