Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

Guarda-corpo: só para segurança?

Redação Galeria da Arquitetura

Guarda-corpos são elementos instalados em sacadas, escadas, rampas, mezaninos e passarelas. Sua função principal é evitar que pessoas caiam de espaços altos e abertos, mas nada impede que o arquiteto tire partido do objeto para decorar mais ainda o projeto.

Para isso, é necessário que o profissional tenha criatividade para projetar o guarda-corpo em harmonia com o conjunto da obra, e não tratá-lo simplesmente como um item de uso burocrático — isso porque ele é obrigatório em qualquer desnível superior a 1 m, segundo a NBR 14.718 de 2008.

Os guarda-corpos podem ser feitos com diversos materiais. Aço inox, alumínio, madeira e vidro são os mais utilizados. Cabos de aço também podem ser utilizados para fazer o fechamento entre os pilares verticais. Balaustrada de concreto também assume função de guarda-corpo, sendo mais utilizada em áreas externas, como em jardins.

Confira abaixo algumas referências de guarda-corpo como inspiração.

Módulo Alto de Pinheiros

Crédito: Daniel Ducci

Residência no Condomínio Quinta da Baroneza

Crédito: Rômulo Fialdini

Parque da Juventude – Carandiru

Crédito: Nelson Kon

Le Pain Quotidien

Crédito: Rafael Carreira

Nuevo Estadio San Mamés

Crédito: Aitor Ortiz

Loading
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo