Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

Hiperstudio vence concurso para requalificação do Senac de Belo Horizonte

O projeto do Hiperstudio se recusa a desperdiçar recursos econômicos, materiais e sociais (Foto: Divulgação/Hiperstudio)

Texto: Vinícius Veloso

29/06/2021 | 16:30 — O escritório Hiperstudio, de São Paulo, venceu o concurso para requalificação da sede do Senac de Belo Horizonte com proposta norteada pelo respeito aos elementos preexistentes e ao conceito consolidado pela instituição de pertencimento à cidade. O projeto também se nega a desperdiçar recursos econômicos, materiais e sociais por meio do reaproveitamento de grandes estruturas. “A partir do existente, esculpiu-se o vazio e o pilotis. O vazio unificou os dois edifícios e o pilotis liberou o térreo para a cidade”, destaca o Hiperstudio no material publicado em seu site.

De acordo com o edital do concurso, a proposta vencedora seria aquela capaz de dialogar com os contextos cultural e histórico em que o empreendimento está inserido, sem descartar a contemporaneidade e agregando novos valores. O projeto deveria, ainda, respeitar a configuração arquitetônica e espacial urbana do Hipercentro de Belo Horizonte, além de atualizar a edificação com a aplicação do conceito de anytime, anywhere learning (a qualquer hora, em qualquer lugar, aprendendo). Já o restaurante, a biblioteca e o bar teriam que ser espaços abertos, criando um elo entre a comunidade vizinha e essa unidade do Senac.

Para o Hiperstudio, a edificação será “um conjunto renovado, que expressa o seu valor justamente pelo caráter da transformação, sem significativas demolições que obliterem sua coerência urbana, mas com intervenções cirúrgicas assertivas que causem encantamento espacial e promovam o encontro, elevando a visibilidade da instituição na rotina urbana do centro por meio de um térreo e uma fachada que são, incondicionalmente, a cidade”.

Senac Belo Horizonte

Construído durante a década de 1970, no Hipercentro da capital mineira, o Senac Belo Horizonte tem aproximadamente 10 mil m² de área construída. A unidade tem capacidade de receber quase 1,5 mil alunos por turno, porém o número deve aumentar para quase 2 mil após concluída a reforma. O concurso para requalificação do empreendimento foi organizado pela própria instituição em parceria com o Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB).

Loading

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo