Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

IAB-BA critica projeto do BRT de Salvador (BA)

As obras do BRT de Salvador foram iniciadas em 29 de março deste ano (foto: divulgação/Prefeitura de Salvador)

Texto: Lucas Barbosa

30/05/2018 | 13:52 – O Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento da Bahia (IAB-BA) criticou as obras do BRT (Bus Rapid Transit), iniciadas em 29 de março em Salvador. O órgão afirma que não há projetos completos de urbanismo, paisagismo, arquitetura, engenharia, infraestrutura e trânsito nem plano operacional de transportes.

O documento com as críticas, que está disponível no site do IAB-BA, aponta ainda a falta de licenciamento, estudos de impactos na vizinhança (EIV) e de provas de que o novo sistema viário seja a melhor alternativa para articulação com o metrô no trecho Lapa-LIP.

O IAB-BA solicita a apresentação de estudos, projetos básico e executivo das obras, relatórios, plano operacional da integração intermodal, além da autorização do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), já que o BRT passa por uma área preservada, o Dique do Tororó.

Sobre o projeto

O BRT pretende suprir a necessidade de transporte nos bairros soteropolitanos onde não há metrô. Quando finalizado, terá 13 estações: Lapa, Vasco da Gama, Ogunjá, HGE, Rio Vermelho, Pedrinhas, Cidade Jardim, Parque da Cidade, Itaigara, Pituba, Cidadela, Hiper e Iguatemi.

Serão três linhas: a Expressa, sem paradas nos pontos entre as estações, a Paradeira, com paradas em todos os pontos ao longo do caminho até a estação de destino, e a Expandida, que fará trajetos fora do percurso para buscar os passageiros em bairros adjacentes e levá-los até a rota exclusiva do BRT.

Para ler a nota do IAB-BA na íntegra, clique aqui 

Loading
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo