Novo espaço de convivência em São Paulo terá mobiliário dos irmãos Campana

O projeto, situado na região da Avenida Paulista, deve ficar pronto em 2024, quando a cidade completa 470 anos de fundação
0 Compartilhamentos
0
0
0

Foto

O projeto arquitetônico ficará em um trecho das alamedas Rio Claro e das Flores e da rua São Carlos do Pinhal (Foto: G. Allard – Cidade Matarazzo Urbanistico/Reprodução)

Texto: Naíza Ximenes

31/01/2023 | 17:25 — Em 2024, ano em que completará 470 anos, a cidade de São Paulo será presenteada com um novo espaço de convivência – uma área verde de cerca de 10 mil metros quadrados, com 400 árvores e mobiliário urbano assinado pelo escritório de arquitetura Estúdio Campana.

A construção ficará na região da Avenida Paulista, em um trecho das alamedas Rio Claro e das Flores e da rua São Carlos do Pinhal. 

Foto

Batizado de “Sua Rua”, o projeto concebido pelo escritório Levisky Arquitetos I Estratégia Urbana deve começar a sair do papel no primeiro semestre de 2023. Com foco no pedestre ao invés do transporte, a proposta é fruto não só de uma influência internacional, bem como de um acordo de cooperação entre a Prefeitura de São Paulo e a Associação São Paulo Capital da Diversidade.

A construção do ambiente conta, ainda, com o apoio da Cidade Matarazzo e da Brookfield Properties, já que o investimento de R$ 125 milhões na implementação e gestão do boulevard será proporcionado por iniciativa privada. 

Foto

O espaço de convivência e circulação ganhará nova iluminação pública, com fios aterrados e de baixo consumo de energia. Os arquitetos contam que esse mobiliário é uma característica forte dos projetos dos irmãos Campana — e que, além disso, o local ainda terá wi-fi gratuito em toda a sua extensão, quiosques para experiências gastronômicas e projetos de inclusão social.

“O boulevard levará arte, cultura e educação ambiental de forma gratuita e acessível e servirá também como um espaço de descanso para quem transita diariamente pela região da Paulista”, conta a arquiteta e urbanista, Adriana Levisky.

Foto

Foto

O espaço também ganhará intervenções urbanas, exposições temporárias, áreas de contemplação e repouso e oferecerá conteúdo educativo sobre o meio ambiente.

0 Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *