Novo projeto de complexo inter-religioso é aberto ao público em Abu Dhabi

O centro foi projetado por Adjaye Associates, na capital dos Emirados Árabes Unidos
0 Compartilhamentos
0
0
0

Foto

O projeto tem como objetivo tornar-se um centro de aprendizado e diálogo (Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

Texto: Naíza Ximenes

08/03/2023 | 16:15 — O complexo inter-religioso projetado pelo escritório de arquitetura Adjaye Associates, em Abu Dhabi, acaba de ser aberto ao público. A obra foi vencedora do concurso internacional The Abrahamic Family House e é constituída por três casas de culto diferentes: uma igreja, uma mesquita e uma sinagoga. 

O projeto tem como objetivo tornar-se um centro de aprendizado e diálogo e foi construído na capital dos Emirados Árabes Unidos. O arquiteto David Adjaye, um dos responsáveis pela idealização de toda a estrutura, explicou que “o espaço estará aberto ao mundo, [esperando] que, através desses edifícios, pessoas de todas as religiões e de toda a sociedade possam aprender e se engajar em uma missão de coexistência pacífica para as próximas gerações”.

 Foto

(Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

 Foto

(Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

 Foto

(Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

Com 6.500 metros quadrados, o complexo proporciona ao visitante a oportunidade não só de participar de práticas religiosas, bem como realizar visitas guiadas, celebrações e oportunidades para explorar a fé. As três estruturas foram batizadas de Mesquita Eminence Ahmed El-Tayeb, Igreja de Sua Santidade Francis e Sinagoga Moses Ben Maimon e todas elas possuem espaços para observadores.

As visitas guiadas, que foram inauguradas no dia primeiro de março deste ano, conduzem os visitantes pelos diferentes recursos de design aplicados em cada casa de culto. Todas elas ganharam o mesmo formato e dimensão no exterior: de um cubo, de 30x30x30 metros. 

 Foto

(Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

 Foto

(Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

 Foto

(Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

Os três edifícios possuem volumes em proporções iguais e harmonia visual com conceitos diferentes no interior. Um pedestal forma o fórum principal, com as três casas de culto ao seu redor.

“Fomos levados a essas poderosas formas plutônicas com uma geometria clara: três cubos situados em uma base. Embora não alinhados, cada um deles tem orientações diferentes. A história começa então a se tornar aparente pelo poder da silhueta, unificada com a coletividade e a articulação das três formas. Essas estruturas representam um espaço seguro, já que cada volume foi ilustrado com colunatas, telas e abóbadas para representar a natureza sagrada”, complementa Adjaye.  

Foto

(Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

 Foto

(Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

 Foto

(Foto: Adjaye Associates/Divulgação)

0 Compartilhamentos
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.